SEGUNDA-FEIRA, 11 DE DEZEMBRO DE 2017    
  PT-BR
   

Cuidados com higiene pessoal podem evitar a micose

Publicado em 19/12/2016

Ainda mais comum no verão, quando a incidência aumenta em 50% por causa da umidade e dos banhos de mar e de piscina, a micose não escolhe sexo nem idade. A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) define micose como “infecção causada por fungos que atingem a pele, as unhas e os cabelos”. Elas são mais frequentes nas regiões tropicais, onde existem condições ideais de calor e de umidade para o desenvolvimento dos fungos.

As micoses são contagiosas, mas, na maioria das vezes, o sistema imunológico combate a proliferação dos fungos, sem causar sintomas. “Além disso, nosso corpo contém bactérias que são responsáveis por conterem a reprodução fúngica. Essas bactérias privam os fungos nocivos de espaço e nutrientes”, informa o portal oficial da SBD.

O tipo mais recorrente de micose é a candidíase, conhecida como “sapinho”. A infecção é causada pelo fungo cândida, que causa bolinhas brancas na boca ou fora dela. Pode aparecer nas crianças, nos seus primeiros dias de vida, por isso o cuidado deve ser dobrado, cuidando da higiene tanto do bebê quanto de quem convive com ele.

A prevenção é muito simples e deve ser feita diariamente. Basta ter cuidados higiênicos adequados como secar-se bem após o banho, evitar andar descalço em locais úmidos, não ficar com roupas molhadas por muito tempo e não compartilhar objetos pessoais (toalhas, roupas, escovas, bonés, alicate, esmalte). A Sociedade Brasileira de Dermatologia também recomenda não usar roupas muito quentes e justas, nem tecidos sintéticos, pois estes absorvem o calor e o suor, prejudicando a transpiração da pele.

Caso não haja um tratamento adequado, a coceira pode levar a infecções mais sérias. Por isso, a qualquer alteração na aparência da pele ou o surgimento de coceira, procure o seu médico de confiança para fazer o diagnóstico e o tratamento específico adequado.

 

Tipos de Micose

  • Pitiríase versicolor: Atinge mais adolescentes e jovens. Conhecida como micose de praia, apresentase como manchas brancas descamativas, normalmente na parte superior dos braços, tronco, pescoço e rosto. Tratamento feito por medicamentos antifúngicos tópicos ou orais.
  • Tíneas (tinhas): Os fungos vivem às custas da queratina da pele, pelos e unhas, e podem ser encontrados em animais, no solo e nos humanos. Manifesta-se com manchas vermelhas de superfície escamosa e apresentam pequenas bolhas e crostas, causando muita coceira.
  • Candidíase: A infecção pode comprometer a pele, as mucosas e as unhas e desenvolve-se com a baixa da imunidade, uso de antibióticos, diabetes e situação de umidade e calor. É comum apresentar placas esbranquiçadas na boca (comum em recém-nascidos), lesões fissuradas (mais comum em idosos), placas vermelhas nas dobras naturais (abaixo do seio ou no axilar, por exemplo) ou pode se desenvolver também na área genital, causando coceiras, manchas vermelhas e secreção.
  • Onicomicoses: Acomete tanto as unhas dos pés quanto das mãos, predominantemente em pessoas com mais de 55 anos de idade. A unha se torna mais espessa e pode haver mudança na coloração e na forma. O tratamento é o mais difícil e prolongado, com uso de medicamentos locais ou orais.

 

Dicas de prevenção contra micose

  • Enxugue bem o corpo após o banho;
  • Use luvas ao entrar em contato com o solo;
  • Utilize meias e roupas íntimas de algodão, pois as fibras sintéticas retêm o suor;
  • Não utilize roupas, toalhas e acessórios de pessoas desconhecidas para uso pessoal;
  • Não ande descalço em pisos úmidos;
  • Evite usar o mesmo sapato todos os dias;
  • Leve seus instrumentos de beleza (lixa, alicate, tesoura) quando for à manicure ou pedicure;
  • Sempre lave os sapatos e tênis e deixe-os secar no sol;
  • Não fique com roupas molhadas por muito tempo;
  • Evite usar roupas quentes e justas

REDES SOCIAIS

NOSSAS PUBLICAÇÕES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Receba os últimos artigos e notícias sobre turismo diretamente em seu e-mail:

Rua Conselheiro Galvão, 68 - Jaraguá | BH/MG   
(31) 2552-2525/3441-2725/99998-8686
desenvolvido por SITEFOX