SEGUNDA-FEIRA, 11 DE DEZEMBRO DE 2017    
  PT-BR
   

Você conhece os benefícios da podologia?

Publicado em 11/04/2016

 Unha encravada, calo, verruga, frieira e coceira. Quem nunca teve algum desses incômodos ou pequenos problemas? A podologia é uma ciência que estuda profundamente os pés e está cada vez mais em destaque. Hoje várias clínicas e vários institutos de beleza têm investido bastante no ramo. 

 
Os pés são plataformas que nos suportam e se movimentam nos possibilitando ir, vir, pular, chutar, correr, saltar, dançar, dentre tantas outras atividades diárias. Eles entram em contato com texturas, temperatura e tudo o que envolve nossa sensibilidade tátil. Assim, os pés estão vulneráveis ao meio, reagindo às adversidades e causando alterações como alguns males. Para manter o bem-estar dos pés é que existe a podologia. Ela trata desde a pele e a estrutura óssea até como prevenir e cuidar de doenças. É uma área que também esclarece quanto à postura dos pés e quanto às questões de higiene. 
 
A podologia abrange várias áreas, como dermatopodologia (alterações da pele e unhas), podopediatria, podogeriatria, podologia em pé de risco (pé diabético), podologia laboral (tratamento do pé associado à rotina laboral do trabalhador) e podologia desportiva (tratamento dos pés dos desportistas).
 
Uma das principais queixas nos consultórios é a rachadura dos pés. De acordo com a podóloga Tereza Cristina Sales, da Clínica Atelier da Saúde, o aparecimento de rachaduras acontece por partes e tem vários motivos. “Defeitos ortopédicos, hereditariedade, alterações climáticas, consequências de psoríase, diabetes, doenças vasculares, micoses, agressões químicas, andar descalço e uso de calçados abertos nos calcanhares como as sandálias são as principais causas para o aparecimento de rachaduras”, explica. Ela alerta também sobre as fissuras nos calcanhares por longo período: “A fissura calcânea intensa, por um longo tempo, pode ser sinal de doença e tem de ser avaliada. Dependendo do prognóstico, a pessoa é encaminhada a um médico especialista para avaliação.” 
 
Outra queixa bem comum é a unha encravada, ou seja, quando a borda da unha cresce e entra na pele do dedo. Pode haver dor, vermelhidão e inchaço ao redor do local. Segundo a podóloga Ângela Miramar, do consultório Ângela Miramar, podem haver várias causas. “Calçados inadequados, corte incorreto das unhas, micose de unha, dentre outras”, destaca. Ela relata ainda que, nos últimos anos, a procura por podó- logos pelo público masculino aumentou. “O preconceito masculino caiu muito. Existem muitos homens que me procuram devido a alguma lesão, principalmente jogando bola, ou até mesmo pelo uso de calçados inadequados como sapato social de bico fino, que pode causar dores, cravos, calos e/ou deformidades nas unhas”, explica.
 
Alguns podólogos trabalham com o laser. De acordo com Ângela Miramar, o laser tem efeito anti-inflamatório, analgésico, cicatrizante e antimicótico. “O laser deve ser aplicado em micoses, unhas frágeis e inflamadas, com pouco crescimento, feridas, fissuras e verrugas. Mas é extremamente necessário que o podólogo faça o uso de todos os meios de biossegurança, como desinfecção e esterilização em autoclave dos materiais não descartáveis”, explica. Mas é preciso que o paciente também seja consciente e faça o tratamento de maneira correta. “Quem recebe o atendimento é o principal responsável pelo tratamento, por isso ele deve ser bem assistido e orientado, devendo seguir as orientações corretamente para que não haja dificuldade ou retardo no trabalho”, orienta a podóloga Tereza Cristina.
 
Se você, leitor, procura algum tratamento especial para os seus pés, entre em contato com um podólogo, com formação técnica, em um ambiente com todos os requisitos de higiene, esterilização dos materiais e equipamento adequado.

REDES SOCIAIS

NOSSAS PUBLICAÇÕES

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Receba os últimos artigos e notícias sobre turismo diretamente em seu e-mail:

Rua Conselheiro Galvão, 68 - Jaraguá | BH/MG   
(31) 2552-2525/3441-2725/99998-8686
desenvolvido por SITEFOX